Friday, January 20, 2006

Honi soit qui mal y pense

"Nunca me engano e raramente tenho dúvidas" - frase atribuída a Cavaco Silva - não serve de tema a este blog, mas também o crackdown não tem o desplante de se colocar em tão ilustre companhia.
Mas se não é este o caso, a convicção do desfecho do momento eleitoral de domingo, que sempre se teve por aqui, mesmo quando as sondagens cantavam outros amanhãs, poderá radicar apenas numa muar teimosia e numa inadequada apropriação de fenómenos ocorridos noutros tempos e outras paragens.
Malgré ça...
Se Bush, nos Estados Unidos, chegou a presidente tendo obtido menos votos do que Al Gore, que obtusa razão impedirá que ocorra em Portugal, na actual conjuntura, tão terceiro mundista prática? Nenhuma, que conduza a outra coisa que não sejam muitas linhas de prosa escandalizada, muitas horas de comentários televisivos, muita indignação sem consequências. No fim, no pasa nada, como se tornou habitual aqui por este pedacinho virado ao mar. O jogo vai alto, as estrelas teceram o aconchego necessário, e as coisas são o que são.
Explicada a ficha técnica do disparate, e o disparate é um direito a que por aqui se dá bastante e frequente uso, o crackdown não toma em consideração margens de erro e antecipa uma segunda volta entre Cavaco e Soares e vitória final deste.
É a vida, dirá o engenheiro.

5 comments:

Anonymous said...

A fraude na eleição do Bush filho não foi no número de votos.

crack said...

Ao comentador anónimo
Nenhum de nós se terá expressado bem.
No meu post, procurei dizer, em português suave, que houve inexplicáveis resultados contrários à expressão da vontade dos votantes - e continuo a ser "suave". Percebo a razão do seu comentário, atendendo ao sistema eleitoral americano, mas também acaba por ignorar a realidade a que me referi.

Pinho Cardão said...

Caro Crack:
As eleições já foram...e terminaram bem!...
Mas que a sua Nota inquietou um pouquito a minha confiança, lá isso inquietou!...

crack said...

Caro Pinho Cardão
Depois dos cestos lavados e de se ter comprovado que os ovos foram bem distribuídos, só registo, com apreço, que tomou em alguma conta a errada previsão do crack. Não o deveria ter feito, mas evitar futuros calafrios em amigáveis visitantes, asseguro-lhe: deitei o tarot fora e devolvi a bola de cristal; o crackdown está em liquidação total, por mudança de ramo.
:)

Pinho Cardão said...

Caro Crack:
Nem posso acreditar!...